Crise pra quem?

Crise? Que crise?

O dono do mercado aumenta o preço e mantém o lucro,
o dono da cidade aumenta os impostos e mantém o lucro,
o dono da firma deixa de dar aumento e mantém o lucro.

O deputado e o juiz firmam acordo,

aumentam os próprios salários...

... e mantém o lucro.

A crise é política,
ou melhor,
a crise é moral.

Tem que ter cara de pau de ganhar 100 mil pra ser político
enquanto condenam o trabalhador a trabalhar 40 anos.
Sendo cortados os direitos básicos, que já eram poucos.
Afinal de contas, pobre nem é gente mesmo.

Que crise? Prende um dois bodes.
Bota o Temer, num acordo com supremo com tudo.
E estanca isso aí.

Ah sim. A crise dos valores, da ética.
A crise da democracia.

Comentários

Artigos populares