Michel Temer é satanista?


Recentemente o presidente interino Michel Temer virou meme, quando em seu discurso de posse sofreu um pigarro e muita gente o acusou zueiramente de ter sido possuído pelo cramunhão. Veja o vídeo em que tomaram a liberdade até de colocar uma trilha sonora mais "adequada" ao momento:



Pra piorar tudo, a frase em que ele em engasgou era "já estão encomendados", o que rendeu ainda mais zueira nessa terra de ninguém habitada por trolls chamada internet que nos rende risadas e mais risadas todos os dias. Mas seria mesmo o nosso possível futuro presidente um "filho das trevas"?

MAS DE ONDE SURGIU ESSA HISTÓRIA?

A zueira não tem limites e surge dos lugares mais obscuros. Mas nesse caso a referência mais coesa da ligação do atual presidente com o chifrudo que eu encontrei foi uma série de e-mails que datam dentre 2009 e 2010, mais especificamente falando das eleições, e que parecem ter sido a origem dessa história toda.

Num desses e-mails, uma pessoa possivelmente evangélica relata ter tido uma "revelação" de que o anti-cristo assumiria o governo do Brasil, pois Dilma teria um câncer e seu vice (Temer) seria satanista e assumiria o cargo favorecendo assim seu filho Daniel Mastral, que seria (segundo este e-mail) um "satanista" que está por trás de tudo isso. Nesse artigo você pode saber mais sobre este e-mail e lê-lo na íntegra.


Há ainda uma outra versão deste e-mail, atribuída a pastora Pra. Neuza Itioka (que nega o fato) relatando que o atual presidente interino (na época candidato a vice-presidência) a estaria perseguindo, e uma outra versão se alega que Temer relacionou a um trabalho satânico o desabamento do teto da igreja renascer onde cerca de 50 pessoas ficaram feridas. 

Acontece que esse boato de que Temer seria pai de Mastral é mais antigo do que estes e-mails e se deve aos livros escritos pelo autor que hoje em dia é convertido ao cristianismo. Veja o vídeo no qual o próprio fala sobre a acusação de ser satanista e de ter dito ser filho de Michel Temer (adiante para 5min):


Na história protagonista que teria vínculos políticos é recrutado por forças obscuras para ajudar a espalhar a palavra do pé de bode no Brasil, mas acaba se convertendo ao cristianismo no fim da história.

Agora, quem foi a primeira pessoa a fazer essa associação, eu não consegui descobrir. O que importa é que Mastral em pessoa já negou que tenha dito isso. Mas parece ter ficado claro que essa história surgiu num desses e-mails no estilo "corrente" que hoje em dia circulam mais pelo "WhatsApp".

Aqui você pode ler a maioria desses e-mails que circularam na internet nessa época.

QUAIS SÃO AS PROVAS?

O fato é que, por mais que isso soe tão interessante, não há nenhuma prova de envolvimento de Temer com o sete peles. A única coisa bem real aqui é o poder do boato, já que Temer chegou inclusive a gravar vídeos e dar entrevistas para desmentir essa história, devido as proporções que ela tomou!  Como o exemplo abaixo:


Segundo o Buzzfeed, Mastral relata que as pessoas o acham parecido com Temer (foto) e ainda relacionam certas descrições de seu livro parecidas com traços do político. Mas é importante ressaltar que na história não há nenhuma citação direta a ele. Além disso, mais do que nunca, Mastral ganhou um ótimo merchan para seu livro. Não é?


Parece que, no fim das contas, essa história toda é uma grande confusão devido a um conjunto de coincidências... Mas a pergunta que fica é? "Você acredita em coincidências"? 

Comentários

Artigos populares