5 motivos para você não criticar os autores best sellers.


Muita gente torce o nariz para autores já consagrados pelo mercado como J.K. Rowling, Dan Brown e outros alegando que esses escritores, apesar de venderem muito, não possuem uma qualidade textual digna dos "clássicos".

Neste post eu vou te dar 5 motivos de porque você não deve falar mal desses caras e sim admirá-los - de certa forma - ainda mais se você é ou quer ser um escritor de carreira.

Não estamos aqui propondo uma "ditadura dos mais vendidos" aonde é proibido ter opinião negativa sobre uma coisa só porque ela é famosa, mas sim trazer uma reflexão. ;)


1. PORQUE EXISTE UMA DIFERENÇA ENTRE LITERATURA E MERCADO EDITORIAL.

Existe uma literatura "arte" que agrada aos críticos e acaba constando nos anais das grandes obras literárias de um determinado país ou até mesmo do mundo.

A literatura é uma arte:

E por ser arte ela possui técnica e é relevante porque dentre outros motivos:
  • Registra um momento histórico.
  • Registra sentimentos humanos.
  • Acrescenta conhecimento ao leitor.
  • Apresenta uma crítica ou reflexão à realidade.
O mercado editoral quer vender livros:

E esta é a realidade. O entretenimento é industria mais lucrativa do mundo, e o que as pessoas não se atentam é que o objetivo das editoras é vender livros e ganhar dinheiro.

E no fim das contas a qualidade artística fica em segundo plano, apesar de ser também um objetivo.

Porém há de se reconhecer que no jogo da "literatura de mercado" as regras são diferentes da "arte". Os argumentos a seguir provam que os best sellers, mesmo que não tenham qualidade artística para agradar aos "mais exigentes" são bons em algumas coisas relevantes:

2. POR QUE ELES ENTENDERAM E SEGUIRAM AS REGRAS DO JOGO

O mercado editorial é, afinal de contas um mercado (dã) e como qualquer comercio ele tem suas regras.

Os best sellers chegaram onde chegaram porque conhecem as regras do jogo e encontraram brechas ou mesmo dominaram as técnicas necessárias para ingressar!

E isso precisa ser reconhecido porque mesmo o artista mais dedicado a pureza da expressão de sua arte quer ganhar dinheiro com isso, afinal de contas todos precisam sobreviver nesse mundo onde impera o vil metal.

E para ganhar dinheiro com arte é preciso jogar pelas regras do mercado.

3. POR QUE ELES CONVENCERAM O MERCADO!


Alguns autores acham que é obrigação de alguma editora publicar a sua obra porque ela é boa demais.

Bom, se você tem o mínimo de bom senso sabe que não é assim que funciona.

Pense pelo lado "mercadológico" da coisa: uma editora que publica seu livro do jeito clássico, ou seja, ela banca tudo e ainda te paga, está investindo na sua obra porque acredita que aquilo vai dar algum retorno financeiro.

Não é bondade, não é amor pela arte é um investimento.

Os autores Best Seller conseguiram convencer uma editora de que o produto deles (SIM, UM LIVRO É UM PRODUTO!) era rentável.

E isso é um mérito!

4. POR QUE OS BEST SELLERS CONQUISTARAM UM PÚBLICO!

Seja você um artista de qualquer área; seja o o seu objetivo fazer boa arte ou mesmo conquistar fama e dinheiro; o maior desafio de um artista é conquistar o seu público. E temos que admitir que qualquer um que alcança o status de Best Seller conseguiu cativar um público significativo.

Isso é um mérito que precisa ser reconhecido.

5. PORQUE FICAR FALANDO MAL DE QUEM É MAIS BEM-SUCEDIDO QUE VOCÊ PEGA MAL.

Tá, você é um crítico literário, você até mesmo pode não ser famoso, mas faz críticas construtivas e análises interessantes que publica no seu blog, site ou coisa do tipo.

Fale o que quiser de quem quiser.

Mas se você pretende ser escritor e simplesmente fica falando mal (sem motivos ou argumentos) das pessoas que realizaram o seu sonho... Pense de novo.

Por que pega mal pra caramba e fica parecendo sabe o quê... Inveja.

Comentários

  1. Gostaria de fazer um observação enquanto público leitor... uma coisa que muitos escritores não levam em consideração é que a massa, em quase todo mundo, tem vocabulário limitado e muitos usam uma linguagem nos livos que tornam uma leitura "popular" impossível, até "chata". A mensagem por mais erudita que seja se falada em palavras simples é melhor entendida. Noto que muitos escrevem para a crítica e é justo aí que mora o recalque, a crítica enaltece uma obra que o povo acaba colocando-a num pedestal, mas que na verdade não fala da realidade popular e nem em linguagem popular. Dai falo, como leitora, que há livros bons de lê pela assimilação do enredo e livros que é bom de citar pela qualidade intelectual, assim se passa por inteligente...rs é o que penso.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Veja também:

Artigos populares