O que aprendemos com a derrota do Brasil


Vivemos pra presenciar a maior derrota do Brasil em copas do mundo. Isso é, quem assistiu, pois eu estava no Netflix na hora do jogo. Babaquices à parte, eu vi muita gente tirando "lição de moral" do que aconteceu com o Brasil. Fazendo analogias filosóficas, sociais e políticas sobre o assunto, dizendo que isso foi uma lição para o povo.

Bom, na minha humilde e sincera opinião, se o Brasil tivesse ganho a copa do mundo, haveria muita festa e as pessoas ficariam felizes. É natural do povo Brasileiro, faz parte da nossa cultura. Somos de fato um povo festeiro. Veja os nossos carnavais, nossas inúmeras desculpas para festejar até quando tudo está ruim.

Mas o que os muitos "críticos" com seus textos belos na internet esqueceram é que o Brasileiro é um povo que tem a memória fraca, tanto as boas tanto as ruins. E então se você está acreditando que o povo irá ver essa derrota como algo simbólico ou coisa do tipo, acho melhor pensar de novo.

Estamos falando do povo que quase esqueceu a ditadura, que esqueceu o Color (elegendo-o novamente), que esquece da desigualdade social e até mesmo de seus direitos.

Mesmo que alguém consiga construir um estandarte sobre essa "tragédia esportiva" isso vai durar o mesmo tempo que duraria a comemoração da taça. Depois disso tudo que vai sobrar - além dos estádios de utilidade contestável - é uma parca memória na cabeça de poucos sem nenhum efeito prático.
al.

Comentários

Artigos populares